RSS Follow me on Twitter

sábado, 4 de janeiro de 2014

GTA San Andreas já Chegou para Iphone e Ipad

GTA San Andreas já Chegou para Iphone e Ipad

GTA San Andreas já Chegou para Iphone e Ipad

Já está disponível para dispositivos Apple um dos maiores clássicos do PlayStation 2, o grandioso Grand Theft Auto: San Andreas.

Considerado por muitos o melhor episódio da saga GTA, San Andreas era aguardado com ansiedade por todos os usuários de portáteis. Não é a primeira vez que um game de sucesso da Rockstar chega para os dispositivos portáveis, ano passado a empresa já lançou edições comemorativas de GTA III e Vice City.

O game também debutou na Mac App Store (a loja de programas dos computadores Apple)

E cadê a versão para Android?
Em breve smartphones e tablets com Android receberão a saga de CJ, que terá gráficos e controles otimizados para as pequenas telas sensíveis ao toque, além de mais 70 horas de jogatina.

A edição para iPhone, iPad e iPod Touch já está disponível na App Store por U$$6,99 (ainda não é possível adquirir o jogo através da loja brasileira).


*O conteúdo deste blog pertence à Loja MEGAZIM, sendo autorizado sua reprodução em outros meios de comunicação com os devidos créditos. As imagens postadas em nosso blog são retiradas do Google Imagens, bancos de imagens ou fornecidas pelas marcas com as quais trabalhamos. Portanto, elas podem ser utilizadas em outros sites e blogs. Caso você seja o autor de uma dessas imagens, gentileza entrar em contato para darmos os devidos créditos.


10 mandamentos para unhas perfeitas

10 mandamentos para unhas perfeitas

10 mandamentos para unhas perfeitas

1 - Não usarás acetona: já existem removedores de esmalte no mercado que são mais suaves, não enfraquecem as unhas - e alguns até hidratam!

2 - Lixarás as unhas cuidadosamente: não aplique muita força, senão, além de estragar o formato das unhas, você pode fazer com que elas descamem.

3 - Aposentarás o alicate de cutícula: é mais saudável apenas empurrar a cutícula, em vez de cortá-las. Adote esta ideia e ganhe unhas mais fortes e cheias de saúde.

4 - Não compartilharás alicate: se pecar, e descumprir o último mandamento, pelo menos use seu próprio alicate, e não o da manicure. Assim você evita doenças.

5 - Não deixarás de passar base: além de prolongar a duração do esmalte, a base protege a unha dos pigmentos dos esmaltes, evitando assim que as garras fiquem amareladas

6 - Hidratarás as mãos, unhas e cutículas: unhas desidratadas descamam e quebram com mais facilidade. Use produtos à base de ureia.

7 - Passarás extrabrilho: quando o esmalte ficar opaco, e a unha sem graça, em vez de tirar o esmalte e reaplicar, passe uma camada de extrabrilho.

8 - Não roerás as unhas: o hábito pode deformar as unhas e até o dedo, em longo prazo.

9 - Descansarás, sem esmalte, no sétimo dia: ou em qualquer outro dia. Mas acredite, é importante deixar as unhas respirarem entre uma esmaltação e outra.

10 - Se alimentarás bem: vegetais escuros, como a couve, e os ricos em vitamina B, como a banana, fortalecem as unhas.


*O conteúdo deste blog pertence à Loja MEGAZIM, sendo autorizado sua reprodução em outros meios de comunicação com os devidos créditos. As imagens postadas em nosso blog são retiradas do Google Imagens, bancos de imagens ou fornecidas pelas marcas com as quais trabalhamos. Portanto, elas podem ser utilizadas em outros sites e blogs. Caso você seja o autor de uma dessas imagens, gentileza entrar em contato para darmos os devidos créditos.


O guia do babyliss

O guia do babyliss
O guia do babyliss

Quem não nasceu com o cabelo de Gisele Bündchen pode conseguir um visual bem glamouroso com o babyliss. O aparelhinho provoca calafrios em algumas mulheres pela fama de ser difícil de usar, mas nós ensinamos a definir os cachos sem drama! E nada de cachinhos miúdos, aqueles antigos. 

5 dicas para um resultado maravilhoso!
1. Escolha o babyliss de cerâmica, que aumenta de temperatura rapidamente e de maneira uniforme.

2. Quem tem fio reto fica estranha com babyliss. O ideal é o corte repicado, para que os cachos se sobreponham em um efeito mais bonito.

3. Se você tem cabelo com progressiva, use um leave-in um pouco mais forte para manter os cachos.

4. Enrole no babyliss uma quantidade de fios correspondente a aproximadamente um dedo de espessura. Quanto mais fina a mecha, menos natural é o resultado.

5. Se você tem franja curtinha, faça apenas uma escova e depois prenda os fios para trás para deixar a raiz mais alta e dar movimento ao penteado.

Passo 1
Lave os fios e aplique uma quantidade mínima de condicionador. Muito creme amolece o fio e aí o penteado acaba durando pouco.

Passo 2
Ajudando com a mão, seque o cabelo sempre levantando a raiz. Com essa técnica, os fios ficam bem soltos e com aspecto mais natural.

Passo 3
Faça uma escova rápida, mesmo se você já tiver cabelo liso. "Essa etapa garante o brilho e modela as pontas dos fios", explica o cabeleireiro.

Passo 4
Separe apenas os fios da parte de trás da nuca e prenda todo o restante do cabelo.

Passo 5
Aplique leave-in na primeira mecha que será enrolada. O produto protege do excesso de calor e garante que o cacho dure mais. Depois, penteie.

Passo 6
Com jeitinho, enrole a mecha no aparelho, mantendo-o a cerca de 5 cm de distância da raiz. Dê uma volta no babyliss aberto.

Passo 7
Feche o aparelho e enrole o restante da mecha por cima da haste. Segure a pontinha com os dedos. Deixe o babyliss na posição vertical e segure por cerca de 20 segundos. Depois, solte o cacho.

Passo 8
Repita o procedimento com outra mecha. Mas atenção: agora enrole no sentido contrário para ficar natural. Ou seja, se você começou a enrolar com movimento da direita para a esquerda, faça no sentido inverso, da esquerda para a direita.

Passo 9
Depois que enrolar todo o cabelo da nuca, faça rolinhos e prenda-os com grampos. Em seguida, separe os fios da parte de cima e repita as etapas, enrolando mecha por mecha.

Passo 10
Quando chegar na altura das orelhas, não precisa mais alternar o sentido de enrolar as mechas. Agora ele pode ser sempre o mesmo: da frente para trás do rosto. Se enrolar o cabelo para frente, os cachinhos ficam pendurados na testa e perdem volume - o bacana do penteado!

Passo 11
A franja também deve ser enrolada sempre na mesma direção do passo anterior: da frente para trás.

Passo 12
Depois que tiver feito os rolinhos em todas as mechas, aplique um spray de fixação. Isso aumenta a durabilidade do penteado. Ao soltar os rolinhos, comece da nuca em direção à frente.

Passo 13
Passe os dedos entre os cachos ou, se quiser conquistar um efeito mais natural, penteie-os delicadamente.

Truque esperto
Você quer que suas ondas fiquem lindas até o dia seguinte? Antes de dormir, puxe todos os fios para o topo da cabeça, bem no alto, e enrole-os em um coque, prendendo com grampo, sem apertar demais. Pela manhã, solte e passe o dedo entre os fios, que estarão com movimento e balanço


*O conteúdo deste blog pertence à Loja MEGAZIM, sendo autorizado sua reprodução em outros meios de comunicação com os devidos créditos. As imagens postadas em nosso blog são retiradas do Google Imagens, bancos de imagens ou fornecidas pelas marcas com as quais trabalhamos. Portanto, elas podem ser utilizadas em outros sites e blogs. Caso você seja o autor de uma dessas imagens, gentileza entrar em contato para darmos os devidos créditos.


Manual da Coloração: Para Quem quer ser Loira

Manual da Coloração: Para Quem quer ser Loira

Manual da Coloração: Para Quem quer ser Loira

Se você é morena ou ruiva, e deseja obter fios mais claros, reunimos dicas, técnicas e cuidados para servir de guia para a coloração. Para ser uma loira de parar o trânsito...

Morenas
Podem usar coloração permanente, dependendo do tom de loiro que se deseja obter. Esse tipo de tintura clareia até quatro tons em fios virgens. Já em fios coloridos, é necessário fazer uma decapagem antes. Usamos pó descolorante e água oxigenada para tirar o excesso de pigmento do fio. Quanto mais alto o volume do oxidante, mais claro ficará o cabelo. Depois, será necessário, ainda, aplicar a tintura permanente. No entanto, se os fios não estiverem saudáveis, a alternativa será recorrer às mechas. Elas possibilitam uma mudança gradativa, sem agredir tanto.

Como cuidar: as tintas clareadoras deixam os fios secos e frágeis. Faça uma cauterização, para reparar os danos, e invista em hidratações semanais. Além disso, lance mão de produtos específicos para fios loiros. 
Retoque da raiz: a cada 25 ou 30 dias.

Ruivas
Podem obter tons de loiros bem claros com uma descoloração prévia, não importa se o cabelo é virgem ou não. Caso a mudança não seja tão radical, apenas a aplicação da tintura permanente garante um bom resultado. Se for necessário retirar o excesso de pigmento do fio, antes de tingir, o ideal é passar por uma avaliação profissional, para verificar a saúde do cabelo. Submeter um fio que já está fragilizado a uma descoloração, seguida de tintura, pode ressecá-lo ainda mais. Em casos extremos, pode até acontecer de eles começarem a se quebrar e, nessa situação, muitas vezes é impossível a recuperação. A única saída é cortar. Uma medida menos agressiva é mudar a cor aos poucos, usando apenas a tintura permanente, ou optar por mechas, que partem de uma descoloração localizada. 

Como cuidar: usar linhas de tratamento desenvolvidas para recuperar fios loiros e fazer hidratações semanais.
Retoque da raiz: a cada 25 ou 30 dias.


*O conteúdo deste blog pertence à Loja MEGAZIM, sendo autorizado sua reprodução em outros meios de comunicação com os devidos créditos. As imagens postadas em nosso blog são retiradas do Google Imagens, bancos de imagens ou fornecidas pelas marcas com as quais trabalhamos. Portanto, elas podem ser utilizadas em outros sites e blogs. Caso você seja o autor de uma dessas imagens, gentileza entrar em contato para darmos os devidos créditos.


sexta-feira, 3 de janeiro de 2014

Descubra se o seu cabelo cai ou quebra para acertar no tratamento e resolver o problema

Descubra se o seu cabelo cai ou quebra para acertar no tratamento e resolver o problema
Descubra se o seu cabelo cai ou quebra para acertar no tratamento e resolver o problema

O primeiro passo é pegar o fio do chão e olhar bem para ele para verificar se está em pedaço, prova de que quebrou, ou inteiro, sinal de que caiu. Regra geral, a quebra tem a ver com fatores externos, como penteados muito apertados, uso excessivo de escova e chapinha e química mal feita. Já a queda acontece devido a alguma disfunção no organismo, provocada, por exemplo, por estresse, anemia, dieta pobre em nutrientes ou alteração na tireoide.

Enquanto a quebra pode ocorrer em qualquer período do ano e exige ação imediata para o problema não piorar, a queda é mais perceptível no outono. Na verdade, a causa foi gerada no verão, quando ficamos mais expostos aos raios ultravioletas, que têm a capacidade de alterar a dinâmica do ciclo do cabelo, fazendo-o chegar mais rápido à fase de queda. A situação pode se resolver sozinha em dois ou três meses. Mas, se ela persistir e vier acompanhada de aumento na oleosidade dos fios, coceira e ardor no couro cabeludo, ou ainda de grande perda de peso, recomendamos procurar um especialista para investigar se não se trata de um problema mais importante. 

Os três tipos mais comuns são: alopecia androgenética, popularmente conhecida como calvície, que é causada por fatores hereditários e hormonais; eflúvio telógeno, uma perturbação no ciclo de vida do cabelo, geralmente provocada por regimes severos, cirurgias de grande porte (como lipoaspiração e redução de estômago), mas também observada no pós-parto e em casos de anemia, estresse, uso de medicamentos (como antidepressivos), e alterações na tireoide. Há ainda a alopecia areata, uma doença auto-imune em que o organismo desenvolve anticorpos contra a raiz do cabelo, que não consegue produzir mais fios.


*O conteúdo deste blog pertence à Loja MEGAZIM, sendo autorizado sua reprodução em outros meios de comunicação com os devidos créditos. As imagens postadas em nosso blog são retiradas do Google Imagens, bancos de imagens ou fornecidas pelas marcas com as quais trabalhamos. Portanto, elas podem ser utilizadas em outros sites e blogs. Caso você seja o autor de uma dessas imagens, gentileza entrar em contato para darmos os devidos créditos.